10/01/2017

Tem carinha que se acha

Ana Carolina Carvalho


Tava pensando na cena clássica: 

A menina meio alegre (um pouquinho alcoolizada) chama o rapaz pra dançar, insiste até. Bebe da bebida dele, só servia se fosse a dele, e dança duas ou três músicas e fim.

O menino dança com outras meninas durante a festa e a menina meio alegre se despede e vai embora feliz da vida por ter se divertido; detalhe: ela não fica com ninguém na festa.

Algum tempo depois ela descobre que o menino espalhou aos quatro ventos que só não tinha  a "agarrado", nesses termos mesmo, porque não quis.


P-A-R-A T-U-D-O !


OI ?!

FOI ISSO MESMO, PRODUÇÃO ?



Pior que foi! 
É inacreditável como alguns caras se acham. 

Quantas vezes já presenciei cenas assim. Queria eu que nessa ele tivesse tentado "agarrar" e tivesse levado um "fora" bonito.

Muitos homens fazem propaganda do que não são, de quem não conquistaram e nem vão conquistar para sair de bonzão (ow vanta).

Em pleno século XXI ainda se presenciam cenas como essa, comentários desnecessários como esse.

Homem que é homem tem algo chamado respeito; pelo que teve e principalmente pelo que não teve; tem zelo nas palavras para não magoar ninguém 

                                                                           e outra 

homem que é homem não compete para saber se é bom ou não, ele sabe que é.

Ser bom vai muito além de características físicas consideradas padrão ou acima dele. 
Beleza e feiura é questão de gosto e perfil. 
E definitivamente carinha que se acha não faz o meu!

-----------

O público que acessa o blogue é formado por mais mulheres do que homens. 
Meninas, por favor, repassem esse texto aos seus amigos;
Meninos leiam com atenção e repassem aos seus amigos também. 

-----------

Ser homem vai além do órgão genital que carrega. 
                                            Ele não foi feito para "comer" pessoas. 

Ser homem vai além de achar que mulheres são colecionáveis. 
                                            Elas não são objetos e mesmo que algumas topem ser, o homem também sabe a hora de dizer não.

Comentários via Facebook

2 comentários:

  1. Ana Nívia da Silva24 de janeiro de 2017 14:44

    GENTEEEEE!!!Q isso produção,repassando o texto em 3,2,1!!
    HOMENS APRENDAM !!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Precisam aprender, não é ?! Que bom que gostou. Visite e comente sempre que quiser. PS: Desejo que queira muitas vezes :)

      Excluir



© Podia ser cor de rosa • Ilustração por Juliana Rabelo Desenvolvimento com por