26/05/2017

Laço enfeita e faz feliz !

Ana Carolina Carvalho

Caio Fernando Abreu escreveu uma clássica frase que diz: "Nó aperta, laço enfeita.". Essa frase e os textos românticos dele sempre me chamaram atenção, mas dessa vez eu parei para refletir sobre a beleza dos laços, sejam eles familiares, de amizade, de afetividade. 

Pensando nos laços eu me deparei como eles são lindos.

 Laços são escolhas livres de pessoas diferentes que resolveram se unir e fazer disso algo encantador! 

 Esses são laços de carinho, amor; são eternos.

Porém, existem laços que se desfazem. Isso acontece quando um puxa a fita e o laço se solta. Transformam-se em duas pontas de uma mesma fita (vida em comum). Ela (a fita/vida em comum) é cortada e cada um segue para um lado - podendo ir em busca ou não de outros laços.

Existem laços indissolúveis. Por mais confusão que exista eles permanecem ali. Ficam amassados, escuros, até sujos, passam por dificuldades, mas permanecem laços.

A beleza do afeto é a essência do laço.

Seu irmão de sangue tem a opção de fazer um laço ou não com você. Talvez ele não queira, vocês não sejam amigos, ao mesmo tempo que você pode ter um melhor amigo (desde a época de escola) que decidiu unir a ponta da fita dele a sua e formou um lindo laço de amor. 

Na maioria das vezes os laços são sentimento, vontade, querer bem. O lado racional é definido pelas escolhas; neste caso, escolhas livres.

Você escolhe ser laço e para isso não precisa ser nó.
 Não precisa amarrar, prender, não querer deixar ir. 

O laço é bonito quando é feito com vontade, sejam eles sanguíneos ou por afinidade.
Caio Fernando Abreu estava certo: nó aperta, laço enfeita. E digo mais, encanta e faz feliz.

Comentários via Facebook

4 comentários:

  1. Ana Nívia da Silva26 de maio de 2017 16:06

    Me arrepiei ao ler,NOSSA SENHORA!
    Me encontrei nesse texto,lembrei-me de quando era pequenininha,no tempo da minha mudança de vida(quando fui adotada),o tempo em que fui criando o laço com a pessoa mais importante da minha vida hoje (minha mãe),e com uma menina que nunca imaginei se quer dar um oi na vida,minha melhor amiga,quando nos conhecemos,eu tinha uns 6 anos e ela 5,e fomos construindo um laço inigualável,aquele que mesmo com o tempo e com a distância não desata e nem é esquecido,como você mesma falou: "Existem laços indissolúveis. Por mais confusão que exista eles permanecem ali. Ficam amassados, escuros, até sujos, passam por dificuldades, mas permanecem laços."
    E é exatamente isso,hoje somos muito distantes uma da outra,mas nunca deixará de ser laço,e nem se tornará "qualquer laço".
    Amei o novo texto,e é por isso que nunca deixarei de ser fã desse blog! <3 <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que testemunho mais lindo! Como sou grata a Deus por ter uma leitora como você​! Obrigada pela inspiração e por ser canal de graça na minha vida ❤👏🙏

      Excluir
  2. Lendo isso no dia do amigo se encaixa perfeitamente! "Laços são escolhas livres de pessoas diferentes que resolveram se unir e fazer disso algo encantador! "

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade! E que amizade linda formamos ao longo desses 14 anos. 😍

      Excluir



© Podia ser cor de rosa • Ilustração por Juliana Rabelo Desenvolvimento com por